Capa da Publicação

Vingadores: Guerra Infinita – Mark Ruffalo diz que filme seguirá um caminho bem diferente das HQs!

- – Mas assim, bem diferente mesmo!

Por Felipe VinhaVingadores: Guerra Infinita vem aí! E se você for aquele tipo de fã que quer ver uma adaptação mais ou menos fiel ao material original nas telonas… Bem, podemos ter uma notícia que vai ter decepcionar um pouco.

Os atores Mark Ruffalo (Bruce Banner) e Chadwick Boseman (T’Challa) conversaram com o site Cinema Blend, onde falaram a respeito de fidelidade às histórias originais e em como Guerra Infinita usa como base os quadrinhos.

Quando questionados, eles revelaram que é, basicamente, bem diferente do material original. Enquanto Ruffalo alegou que o filme “é um novo território” em relação a tudo, Boseman disse que “este é bem diferente, não sei como explicar, pois estamos em muitos locais distintos”.

Rufallo, porém, foi além:

“É muito diferente dos quadrinhos. Há elementos que claramente são os mesmos, mas quando a história começa, tudo muda. Eu fiz… Planeta Hulk foi uma grande influência para Thor 3, e a ideia, o conceito de Guerra Mundial Hulk começa a… Eu li antes de fazer o filme, e há muita coisa interessante ali, mas honestamente não há nada diretamente relacionado… Desafio Infinito é bem informativo, mas, novamente, ele se distancia e começa a ficar um pouco confuso, e você fica como ‘por que isso não está aqui por que estamos fazendo isso’?”.

Boseman complementou, e alertou para que os fãs não assistam ao filme com a expectativa lá em cima, dizendo que “isso pode te tirar do que está acontecendo na sua frente”.

Bem, não seria a primeira vez que um filme da Marvel se distancia dos quadrinhos, certo? Capitão América: Guerra Civil, foi um exemplo dos mais clássicos.

Veja artes de Vingadores: Guerra Infinita, em nossa galeria:

Vingadores: Guerra Infinita já está em cartaz nos cinemas.

Fonte: Heroic Hollywood

Agora que a notícia acabou, aproveita para conferir o vídeo mais novo no nosso canal!

sobre o autor Felipe Vinha

Já tentei salvar o mundo de uma invasão alienígena, mas hoje me contento em ser jornalista. Gosto de quadrinhos e suas adaptações na TV ou cinema, animes, tokusatsu, games e tecnologia. Vamos trocar uma ideia no Twitter @felipevinha