Capa da Publicação

Capitã Marvel – Produtor Executivo diz que o filme também é história de origem de Nick Fury!

- – Samuel L. Jackson vai dividir o protagonismo com Brie Larson em algumas cenas!

Por Lucas Rafael → Faltando cerca de dois meses para a estreia de Capitã Marvel, mais e mais conteúdo acerca do filme vai sendo liberado. O longa terá a missão de introduzir a heroína cósmica antes dela aparecer em Vingadores: Ultimato, servindo como uma prequela a todos os eventos do Universo Cinematográfico Marvel até o momento. Agora, o produtor executivo do filme, Jonathan Schwartz, conversou sobre a participação de Nick Fury (Samuel L. Jackson) e Phil Coulson (Clark Gregg) no longa, além de outras coisas que os fãs devem saber antes de conferirem a obra.

Em entrevista ao Collider, Schwartz foi questionado sobre o filme eventualmente colocar Nick Fury no protagonismo junto de Carol Danvers. O produtor executivo é direto ao afirmar que ele é de suma importância para a trama:

“Existe uma história de origem para Nick Fury ali. O filme é definitivamente chamado Capitã Marvel, mas se torna focado na dupla em algumas partes. Então, nós meio que queríamos dar para o público aquela história de origem sobre Nick Fury jovem, e está tudo ali. Esperamos que seja de uma maneira que complemente a aventura de Carol também. Uma parte chave desta história de origem para Nick Fury é que desta vez, ele estava se sentindo obsoleto. Estamos conhecendo Nick Fury em uma parte interessante de sua vida. É na metade dos anos 90, a Guerra Fria acabou, a guerra ao terror ainda não começou. É um período lento para espionagem mundial, e acho que Fury está em dúvidas sobre seu lugar no mundo, num mundo no qual ele se sente meio obsoleto. E então aliens chegam do espaço-sideral!”

Já sobre o retorno do Agente Coulson de Clark Gregg, Schwartz explicou que conheceremos o personagem em uma fase jovial e despreparada:

“Conhecemos Coulson em seu primeiro encontro com Nick Fury em uma idade muito mais jovem, na qual a palavra Kree ainda nem integra seu vocabulário.”

Samuel L. Jackson também falou sobre o filme, admitindo que a confiança de Nick Fury por Carol Danvers não será imediata, graças à origem extraordinária da personagem:

“… ela se parece com a gente, sim, mas ela chegou aqui com essas coisas que podem mudar de forma [os Skrulls]. Então, ela é o que aparenta ser? Ela é um indivíduo seguro? Perigoso? Todas essas coisas passam pela cabeça. Passando o tempo com ela, Nick descobre coisas sobre ela que, você sabe, levam-o a acreditar que ela é algo além do que ela se apresenta ou que ela tenha consciência de ser. Então, durante o curso de interagir com ela, eles se tornam compatriotas. Eles partilham de um senso de humor parecido. Ele está aberto à diferença do que ela pode ou não ser, e ele definitivamente está disposto em ajudá-la explorar o que ela precisa para descobrir quem ela é e, o que ela é e como ela se tornou quem ela é.”

Ainda falando com o Collider, Samuel L. Jackson foi além de descrever o relacionamento de seu personagem com Carol Danvers. Quando questionado sobre Nick Fury ser um personagem favorito dos fãs do MCU, Jackson se abriu:

“É, eles sentiram minha falta, não é? Eu não estive tipo, nos últimos seis filmes. Me mandaram pruma viagem nas estradas e não me deixaram voltar pra casa.”

Jackson também falou sobre o motivo de Fury ser tão popular entre os fãs:

“Ao que eu devo essa popularidade? Muitos outros filmes. Você meio que conquista esta reputação por ser capaz de incorporar personagens específicos de maneiras específicas. E eu faço muitos filmes que são de armas ou ação por amar eles quando estava crescendo, poder fazer eles agora é perfeito para mim […] Eu tento me divertir. Atuar sempre foi diversão.”

O ator também foi questionado sobre a diferença entre interpretar Nick Fury nesta fase mais jovial de sua vida, ao invés de como quando conhecemos o personagem no MCU, já amargo e amadurecido:

“… ele não está com o fardo do peso do mundo do jeito que é e ele ainda não é ressentindo com os poderes públicos em termos de como eles veem o mundo e como veem o que ele faz, e a seriedade da situação […] Então, seu próximo desafio é convencê-los que precisamos recrutar pessoas com dons extraordinários que podem nos ajudar na defesa não apenas do país, mas do mundo.”

E aí, empolgado para Capitã Marvel? Comente!

Confira imagens do filme na nossa galeria abaixo:

Capitã Marvel chega aos cinemas no dia 7 de março de 2019.

Agora que a notícia acabou, aproveita para conferir o vídeo mais novo no nosso canal!

sobre o autor Lucas Rafael

Entusiasta de coisas demais