Capa da Publicação

Marvel faz grande mudança na Guerra do Vietnã!

- – A editora está modificando até mesmo acontecimentos históricos!

Por Gus Fiaux → É muito difícil estabelecer um universo que dure mais de cinco décadas, cheio de personagens que não aparentam envelhecer. As coisas ficam ainda mais complexas quando alguns desses personagens têm suas origens ancoradas em eventos reais. Ao longo dos anos, a Marvel tentou modificar essas origens, atualizando-as para eventos mais presentes. Por exemplo, se o Homem de Ferro encontrou sua origem na Guerra do Vietnã, em histórias mais recentes ele criou sua armadura na Guerra do Afeganistão.

Mas, para sanar o erro de uma vez por todas, a editora acaba de criar um conflito original, que substitui o impacto da Guerra do Vietnã nas HQs.

Como muitos sabem, personagens como o Justiceiro, Homem de Ferro e o Coisa tem origens ligadas diretamente ao conflito que se deu de 1955 a 1975, seja como veteranos de guerra ou como vítimas perdidas no conflito. Para evitar as contradições temporais que isso implicaria com os personagens, que já existem há décadas, a Marvel criou, na segunda edição de History of the Marvel Universe, um novo conflito.

Chamado de Siancong War (ou Guerra do Siancong), o confronto substitui a Guerra do Vietnã na origem de vários personagens. De acordo com um quadro narrativo da edição, a guerra foi travada entre civilizações do oriente e do ocidente por uma fonte de energia mística conhecida como Sopro do Dragão:

“Nações do leste e do oeste entraram na Guerra do Siancong, que durou décadas, com o objetivo primário de capturar o principal recurso do Siancong, uma misteriosa energia conhecida apenas como ‘O Sopro do Dragão’, a partir de qual lendas e cultos foram baseadas. Barões asiáticos do crime como o Mandarim e a Lady Lotus manipularam o conflito, assim como grandes forças bélicas, tal qual Wong-Chu.”

Para quem não sabe, Wong-Chu e Mandarim estão diretamente ligados à origem do Homem de Ferro. Posteriormente, na edição, é revelado que alguns heróis importantes como Frank Castle, Reed Richards, Ben Grimm James Rhodes tiveram participação no conflito, o que altera drasticamente a origem de seus personagens.

Vale lembrar que a terra fictícia batizada de Siancong não é nova no Universo Marvel. Sua primeira menção se deu na quinta edição da revista original dos Vingadores, onde era batizada de Sin-Cong. A ideia era que, desde o início, o lugar servisse como a versão ficcional do Vietnã, para que os jovens leitores pudessem ter uma história escapista e não fossem diretamente lembrados dos horrores da guerra.

No entanto, vale ressaltar que a Guerra do Vietnã ainda aconteceu na Marvel Comics, assim como no mundo real. Porém, ela foi situada diversos anos antes da Guerra do Siancong, e não contou com a participação dos heróis. A diferença agora é que, por ser uma guerra fictícia (Siancong), sua temporalidade pode ser alterada conforme os roteiristas desejarem, de modo que os heróis nunca pareçam muito velhos.

 

Veja também: Vingadores – Marvel apresentará nova versão do Estigma nas HQs da equipe!

Na galeria abaixo, fique com a imagem da HQ:

History of the Marvel Universe #2 está à venda nas bancas norte-americanas, sem previsão de lançamento no Brasil.

Fonte: CBR

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela Universidade Federal de Pernambuco. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux