Capa da Publicação

Marvel libera lista mostrando os maiores assassinos de mutantes de todos os tempos!

- – Os maiores pesadelos dos Mutantes.

Por Lucas Rafael → A história em quadrinhos “House of X” continua dando o que falar. Em sua quarta edição, a HQ de Jonathan Hickman mostrou os Mutantes em ação para frear uma organização supremacista que ameaça o futuro dos filhos do átomo. Como é de praxe com Hickman, a narrativa trouxe gráficos e dados analíticos à parte, incluindo uma lista com os maiores assassinos de Mutantes de todos os tempos.

A lista compila os “Maiores Crimes Contra Mutantes“, numerando os algozes mais cruéis que os X-Men já enfrentaram em suas histórias.

Confira os 9 maiores assassinos de Mutantes de todos os tempos segundo a revista House of X #4:

Stephen Lang – Matou 28 Mutantes. Um dos criadores originais dos Sentinelas, Lang foi um pesadelo tecnológico para Mutantes, chegando a transferir sua mente para um dos robôs. Ele já morreu e ressuscitou como parte de uma missão que visava reunir so maiores assassinos de mutantes da Terra.

Mister Clean – Matou 126 Mutantes. Membro da Igreja da Humanidade, Paul Botham se tornou um grande reforço à causa anti-mutantes graças à sua pele inquebrável, reflexos aumentados e treinamento combativo intenso.

Graydon Creed – Matou 147 Mutantes. Sendo um dos matadores de mutantes mais notórios da lista, Creed foi membro fundador do grupo terrorista anti-mutante Amigos da Humanidade, sendo responsável e tomando parte em diversas investidas radicais contra os filhos do átomo.

Cameron Hodge – Matou 178 Mutantes. Sendo um dos maiores vilões dos X-Men, Hodge representa a histeria anti-mutante da humanidade, virando uma figura central das HQS dos personagens nos anos 80/90. Também já participou de inúmeras investidas radicais contra a raça mutante.

Rainha Leprosa – Matou 221 Mutantes. Líder de um grupo humano supremacista, a Rainha Leprosa engendrou seu ódio contra Mutantes após sua filha perder o controle de seus poderes flamejantes, causando uma séria desfiguração na rainha e a morte da própria menina.

Donald Pierce – Matou 348 Mutantes. Um dos membros mais contínuos em causas anti-mutante, Pierce foi tendo seu corpo gradativamente substituído por partes robóticas, chegando a comandar uma equipe de ciborgues especializada no assassinato de mutantes.

William Stryker – Matou 414 Mutantes. Um dos ícones vilanescos dos X-Men, Reverendo William Stryker funciona como uma alegoria ao fanatismo religioso. O personagem lidera um culto paramilitar que visa limpar a humanidade da ameaça mutante, sendo responsável por alguns dos momentos mais tenebrosos dos X-Men nos quadrinhos.

Wanda Maximoff – Matou 986, 420 Mutantes. Responsável pelo “Dia M”, Wanda quase extinguiu os Mutantes, chegando próxima do milhão na contagem de assassinatos. Em House of X, alguns filhos do átomo nem chegam a considerá-la parte da tribo mutante, devido à atrocidade que mancha seu passado.

Bolivar Trask – Matou 16,521,618 Mutantes. No final das contas, a maior ameaça anti-Mutante já concebida foram os Sentinelas, responsáveis por ataques sistemáticos contra os filhos do átomo, os robôs foram invenção de Bolivar Trask, que recebe na revista a culpa por cada gota de sangue mutante derramada pelas máquinas.

E aí, o que achou dessa lista liberada pela própria Marvel? Comente!

Confira na galeria abaixo imagens de cada um dos assassinos listados, em ordem de aparição:

Fique também com: Justiça proíbe censura da prefeitura na Bienal do Livro!

Via: CB

Imagem de perfil
sobre o autor Lucas Rafael

Entusiasta de coisas demais