Capa da Publicação

O Senhor dos Anéis – Série da Amazon foi proibida de fazer mudanças no cânone da saga!

- – Cuidando do legado!

Por Raphael Martins → A série da plataforma Amazon Prime Video baseada em O Senhor dos Anéis não tem nenhuma previsão de estreia, mas já é aguardada ansiosamente pelos fãs do universo criado por J.R.R. Tolkien.

O seriado se passará milhares de anos antes dos acontecimentos da trilogia de filmes, mostrando a segunda era da Terra-Média e adicionando novos elementos à história. Parece o sonho de qualquer roteirista, mas há um porém.

De acordo com o biógrafo e estudioso da obra de Tolkien, Tom Shippey, medidas foram tomadas para proteger o legado do autor. O Tolkien Estate, órgão legal que administra a propriedade do escritor, tem poder de veto sobre o que pode ou não ser adicionado ou retirado da trama do seriado.

Basicamente, o Tolkien Estate tem duas demandas básicas: que o cânone da série seja respeitado, com a história da segunda era se desenvolvendo tal qual contado nos livros, e que os novos elementos apresentados sintam como se pertencessem ao mundo de Tolkien.

Em uma declaração à imprensa, Shippey disse:

“A Amazon tem uma relativa liberdade quando se tratar de adicionar alguma coisa, desde que, como eu disse, alguns detalhes sejam conhecidos sobre esse período de tempo. O Tolkien Estate vai insistir para que a forma principal da segunda era não seja alterada. Sauron invade Eriador, é expulso pela expedição Numenoriana e retorna a Númenor. Lá, ele corrompo os Numenorianos e os seduz a quebrar o banimento dos Valar. Tudo isso, o curso da história, permanece o mesmo. Mas você pode adicionar novos personagens e fazer muitas perguntas, como: O que Sauron fez enquanto isso? Do que ele estava atrás depois que Morgoth foi derrotado? Teoricamente, a Amazon pode responder essas perguntas inventando as respostas, já que Tolkien não fez isso. Mas elas não podem contradizer nada do que Tolkien disse. É com isso que a Amazon deve prestar atenção. Deve ser canônico, é impossível mudar as fronteiras do que Tolkien criou, é necessário permanecer ‘tokieninano'”.

Veja uma imagem da série na nossa galeria:

Fonte: ComicBook

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Já fui um pouco de tudo: apresentador de TV, repórter, roteirista e hoje sou redator nesse noblário site. Gosto de longas caminhadas na praia, HQs, games, tokusatsu, cinema e filé com fritas. Você pode trocar uma ideia comigo e me ver reclamar da vida no Twitter @aqueleraphael