Capa da Publicação

Uma das cidades mais icônicas da DC é destruída em nova HQ!

- – Isso nunca é um bom sinal!

Por Guilherme Souza → Ao longo dos anos, vimos diversas cidades dos quadrinhos sofrendo ataque de supervilões, chegando ao ponto de algumas delas serem completamente destruídas, como aconteceu com Coast City, que foi completamente obliterada durante o período em que o Superman estava morto.

Agora, vemos uma nova cidade dos quadrinhos sendo destruída, dessa vez, durante a saga DCseased, escrita por Tom Taylor. Na quarta edição da revista, vemos os heróis da Liga da Justiça tentando conter o surto de mortos-vivos em Metrópolis, que foi causado por Darkseid.

Enquanto isso, o Capitão Átomo tenta fazer o mesmo em Washington, porém a revista conta com uma reviravolta inesperada, ao mostrar que o último encontro entre o Capitão Átomo e Ray Palmer não foi nada bom.

Palmer entrou no corpo de um dos infectados para encontrar uma possível cura para o vírus, contudo, também acabou sendo infectado e, consequentemente, também infectou o Capitão Átomo. A infecção fez com que um dos heróis mais poderosos da DC se tornasse uma bomba-relógio.

A Mulher-Gavião consegue chegar a tempo em Metróplis e avisar a Liga sobre a situação do Capitão, e assim, Mulher-Maravilha e Superman o levam para a órbita da Terra para tentar conter os danos da explosão, mas infelizmente, eles só conseguem evitar que o herói destrua a Terra completamente e algumas cidades acabam sendo inevitavelmente destruídas, incluindo Metrópolis.

A revista termina mostrando que muitos heróis que estavam na cidade onde vive Clark Kent morreram durante a explosão, inclusive com uma cena chocante do Raio Negro abraçado com suas filhas e tentando protegê-las do destino inevitável.

Confira as imagens da revista em nossa galeria:

Fonte: CB

Imagem de perfil
sobre o autor Guilherme Souza

Outra grande manchete: 'Água, molhada!'