Capa da Publicação

X-Men – Cientista explica porque alguns mutantes são azuis!

- – Exemplos do mundo real!

Por Evandro Lira → Há décadas que os mutantes da Marvel se tornaram figuras singulares da cultura pop. E se você entre aqueles que sempre se perguntaram porque apenas alguns deles são azuis, talvez agora seja o momento de obter uma resposta, pois um novo artigo da The Science Of discute a ciência por trás da natureza azul de personagens dos X-Men.

O Dr. Eric Spana, professor de biologia da Duke University, usa exemplos do reino animal para explicar a razão pela qual algumas composições genéticas tornaram azuis as pele de Noturno, Fera e Mística.

“Para os X-Men, dois dos exemplos acima podem realmente explicar como eles ficam azuis – os humanos não tem quitina, então não existe essa possibilidade”, diz Spana. “A proteína queratina não é apenas um importante componente protéico das penas, mas também o cabelo humano – e unhas, etc. Assim, o pêlo azul da Fera deriva de duas mutações diferentes: uma que causa pêlo/cabelo longos e outra que organiza a queratina no cabelo para refletir a luz azul. O Noturno, no entanto, não tem esse excesso de pêlo, mas tem a pele azul. Sua mutação pode ser uma como as fibras de colágeno ordenadas vistas nos narizes e nas costas, e dar a ele uma pele azul por toda parte.”

O cientista explica também a diferença entre dois tipos de cores e como elas atuam na natureza.

“Podemos resumir a cor em duas grandes categorias: cor estrutural e cor do pigmento”, revelou Spana. “A cor do pigmento é o que torna o jeans, a tinta da caneta e o vitral azul. A cor estrutural é um efeito físico de absorção de luz e reflexão, onde apenas a luz azul é refletida e vista pelos olhos. Existem apenas alguns organismos na Terra que podem formar um pigmento azul – algumas espécies de borboletas, por exemplo, mas nenhum ser vertebrado.”

Spana cita alguns casos surpreendentes de humanos que possuem a pele azul, e explica que a condição deles não é a mesma dos mutantes.

“É claro que existem alguns exemplos de seres humanos com pele de cor azul, principalmente na família Fugate do final do século XIX e início dos anos 90. Como o relatório descreve, vários membros dessa família sofriam de metahemoglobinemia, um traço genético recessivo que impede o sangue de transportar ou fornecer a quantidade necessária de oxigênio. Em casos graves desta condição, a ligação alterada de oxigênio a essa forma de hemoglobina causa baixa disponibilidade de oxigênio e cianose, que é um traço de pele azulada”, explicou Spana. “Isso parece improvável para os X-Men, já que o baixo teor de oxigênio causa problemas substanciais de saúde, que não é um traço de super-heróis.”

O que você achou da explicação científica para a cor dos mutantes? Comente!

Veja também:

Fonte: CB

Imagem de perfil
sobre o autor Evandro Lira

Bacharel em Cinema e Audiovisual, potterhead das antiga, filho dos filhos do átomo, fã de mais coisas do que deveria, frequentemente falando sozinho no Twitter. Segue: @evandroslira