Capa da Publicação

X-Men – Netflix classifica os personagens e os fãs reagem!

- – Tão deixando a gente sonhar!

Por Guilherme Souza → Nesta semana, a Netflix cancelou oficialmente O Justiceiro e Jessica Jones, as duas últimas séries de sua parceria com a Marvel, encerrando de vez a parceria e deixando os fãs desolados. Acontece que mesmo com os laços cortados, a plataforma de streaming ainda parece ter muito apreço pelos personagens da Casa das Ideias, já que ontem, resolveu classificar os personagens dos X-Men de acordo com seus níveis de importância.

Primeiramente, a plataforma liberou uma lista com os personagens Wolverine, Gambit, Tempestade, Lince Negra, Noturno, Vampira, Fera e Colossus. De acordo com a Netflix, Lince Negra, Noturno e Fera podem ser categorizados como “Subestimados”, enquanto muitos dos outros podem ser considerados como “Superestimados”.

“Wolverine: Superestimado
Gambit: Superestimado
Tempestade: Estimada Corretamente
Kitty Pryde: Subestimado
Noturno: Subestimado
Vampira: Estimada Corretamente
Fera: Subestimado
Colossus: Superestimado”

Após a primeira listagem, a plataforma começou a responder algumas sugestão dos fãs explicando a classificação escolhida.

“Jubileu: Subestimada

Jubileu Vampira: Também subestimada”

“Ok, mas e o Ciclope?”

 

“Subestimado. A transformação dele de um soldado leal em um rebelde era super legal, mesmo que no fim das contas ele se torne uma espécie de vilão.”

Obviamente, as classificações da plataforma para os personagens não significa nada, porém considerando que os direitos cinematográficos dos X-Men estão prestes a retornar para a Marvel, seria interessante se uma nova parceria com a Netflix fosse feita para a produção de séries baseadas nesses personagens. Contudo, é provável que a Disney prefira guarda-los para sua própria plataforma de streaming, a Disney+, que será lançada em breve.

Fique com imagens de X-Men Fênix Negra, próximo filme dos mutantes:

X-Men: Fênix Negra estreou nos cinemas dia 7 de junho de 2019.

Fonte: CB

Imagem de perfil
sobre o autor Guilherme Souza

Outra grande manchete: 'Água, molhada!'